Ensaio de padrões impulsivos de Romeu e Julieta

Uma desvantagem simples pode ser mais fatal que a morte por si só. Em A tragédia de Romeu e Julieta, de William Shakespeare, isso se torna aparente para o leitor muitas vezes. Romeu é uma personalidade muito falsa, cujo comportamento energético desencadeou a fatalidade não apenas de si mesmo, mas também de sua amada Julieta. Romeu mudou rapidamente seu amor eterno, que ele acreditava com Rosaline para Julieta sem nenhum remorso, mais tarde, quando ele mata Tybalt sem pensar nas consequências, e novamente quando ele descobre a fatalidade de Julieta.

A atitude precipitada de Romeu desempenha uma enorme função em sua existência, e isso é mostrado pouco antes de Romeu chegar ao Capuleto sem ser convidado, sem pensar muito sobre isso.

No começo, Romeu vai à festa para encontrar seu futuro namorado, Rosaline, mas, com as rápidas alterações, ele se diverte de Rosaline a Julieta ao ver pela primeira vez o lindo Capuleto. "Ela é uma capuleta? Bem como uma conta especial! Viver é a dívida do meu inimigo (I, 4, 118- 119).

Romeu sabendo que Julieta é um capuleto, sabendo que sua vida está no mãos de seu inimigo, decide que isso se colocará além disso, porque seu amor é realmente forte por ela. Este é um exemplo fantástico da impulsividade de Romeu. No caso de Romeu não ter sido rápido em considerar essas atividades, Romeu e Julieta talvez nunca tivessem alcançado. Isso ajudaria a tornar as duas vidas particulares muito mais fáceis.

Não é a única vez que a impulsividade de Romeu exige grandes efeitos em sua vida. Mais tarde, Mercutio, amigo de Romeu e Tybalt, parente de Julieta, discutem e começam a brigar. Uma coisa traz outra e Tybalt acaba acidentalmente esfaqueando Mercutio com sua espada. Romeu acha que isso é errado, já que estava tentando manter Mercutio nas costas naquele momento. Quando Mercutio é definitivamente esfaqueado por Tybalt, ele age como se estivesse basicamente machucado, que é apenas um pequeno arranhão, pois a verdade é sem dúvida que ele está gravemente ferido.

Mercutio morre de frente para Romeu e a atuação de Romeo entra em ação impulsivamente imediatamente. Sobreviver em triunfo - e Mercutio morto! / À parte a felicidade, a indulgência respectiva e / e a raiva de olhos de fogo são minha própria conduta agora. / Agora, Tybalt, leve o "vilão de volta / que tarde você me arrasta, pois a alma de Mercutio / ainda é um pequeno método acima de nossas cabeças, assim como Ficar em trono para segurá-lo firme. / Tanto você quanto talvez eu (III, i, 84-92) Romeu, afirmando que este é um excelente exemplo de sua desvantagem fatal: em vez de pensar no que ele deseja fazer em relação a Tybalt matando Mercutio, ele rapidamente avança para sua posição. briga e briga com Tybalt. Romeu acaba se livrando de Tybalt, tornando cada assunto pior.

Romeu estava muito bravo por Tybalt ter matado seu amigo Mercutio, mas se ele levasse um minuto para pensar em suas ações antes de executá-lo, estaria melhor. A impulsividade de Romeu não apenas provocaria o amor a Julieta, ou talvez a morte de Tybalt, embora o caráter energético de Romeu cause o maior erro possível de sua vida. Depois de se livrar de Tybalt, Romeu é banido de Verona. Dizem que ele tem sorte de nunca ser morto por suas ações. Romeu não se sente assim, como estatísticas de Romeu ele prefere ficar morto a ter que viver sem sua doce Julieta.

Frei Lawrence e Julieta pensam em uma agenda para adquirir Romeu e Julieta juntos novamente. Na noite anterior à partida de Julieta para Paris, ela deve beber uma poção que a fará parecer morta. Depois que ela é colocada para relaxar e descansar dentro da cripta da família, Romeu pode vir e preservá-la para permitir que eles vivam livres juntos. A capina inesperadamente é deslocada no dia anterior. Juliet refresca seu comprimido no dia anterior à remoção de ervas daninhas e continua usando o plano. O problema é que Romeu ouve apenas a fatalidade de Julieta, o significado de Julieta fingindo não ter vida não lhe pôde ser pontual.

Romeu rapidamente vai ao túmulo de Julieta para vê-la, mas ele também detecta Paris em geral. Romeu e Roma lutam e Romeu se livra dele fora de moda. "Você vai me provocar? Então, olhe para o garoto! (V, 3, 78) Romeu então precisa dar uma olhada no corpo de Julieta destinado pela última vez. Romeo bebe a poção para se matar, mas não à frente dele beija Julieta 1 da última vez. Logo depois, Julieta acorda, no entanto, apenas para ver o cadáver de Romeu deitado atrás dela. A garota, como Romeu, não pode viver sem ele e apunhala-se com a adaga de Romeu. O comportamento impulsivo de Romeu não apenas tirou sua vida, seu verdadeiro amor, Julieta.

Você também pode considerar o seguinte: romeo energético e emocional atua como um papel de persona para

Você precisa escrever um ótimo ensaio temático?

Nossos escritores seguem rigorosamente as instruções enviadas. Eles garantem que todos os pedidos atendam aos requisitos fornecidos e superem as expectativas do cliente.

Verifique o preço